Posts Marcados transparência da forma

A arte de Luiz Martins em “Transparência da Forma” no MuBE

A tradição de Minas Gerais de produzir grandes escultores continua. Neste mês de outubro, o Museu Brasileiro da Escultura é palco das obras do escultor mineiro Luiz Martins. A exposição “Transparência da Forma”, que ocorre de 7 de outubro a 2 de novembro, traz 30 peças do trabalho desse artista do Vale do Jequitinhonha: 12 desenhos (extrato de nogueira, pigmentos minerais, nanquim sobre papel e algodão) e 18 esculturas (madeira e aço). A curadoria é de Jacob Klintowitz.

Luiz Martins inventa uma série de objetos, famílias temáticas, recobertos por epidermes instigantes, verdadeiras peles a indicar semelhanças entre si, ora geométricas, ora vibrações óticas. A atmosfera gerada por estes objetos nos oferece uma ponte com o cotidiano devido aos seus materiais vulgares e ao método de ação do artista, reelaborando a visualidade do conhecido, propondo uma vivência estética. Luiz Martins é um experimentador, inventor de novos seres, criador do inusitado.

“Os seus desenhos de grandes formatos, massas abstratas e integras, sofrem a ação de contraste devido a interferências de novos elementos visuais, em diálogos essenciais que indagam sobre a qualidade da abstração. O caráter conceitual do desenho, as relações entre dois elementos diferentes, conferem ao seu trabalho uma clara intencionalidade, afastando a possibilidade da mera manifestação emocional. Nos dois casos, formas tridimensionais e bidimensionais, o artista acentua a intencionalidade de sua pesquisa, a busca de novas visualidades e o desejo do olhar desperto. Vestimenta, vibração, faixas paralelas, ritmos, relações entre partes, corpos diferenciados”, afirma Jacob.

Com um pouco mais de 12 anos em São Paulo, Luiz Martins já fez de tudo um pouco até se dedicar inteiramente à arte. Depois de um período de grande aprendizagem, Martins segue o caminho trilhado por grandes escultores brasileiros e busca mostrar o seu trabalho e técnica em grandes espaços culturais do país.

“Luiz Martins é um artista nato, curioso, criativo, que traz no conhecimento e desenvolvimento de novas técnicas uma forma de libertação do seu potencial intrínseco. Sua obra é forma. Forma de todas as suas memórias, de todos os seus experimentos imaginários materializados num conjunto de raro refinamento e delicadeza” pondera Renata Azevedo, diretora de Relações Internacionais do MuBE e coordenadora da exposição.

 

Sobre o artista

Nascido em 1970, na pequena Machacalis, em Minas Gerais, Luiz Martins é o mais experiente dos jovens artistas de Caminhos da Arte. Desde 1995, participou de diversas exposições em São Paulo, Rio de Janeiro e outras cidades do país, além de mostras em Portugal e Argentina. Tem obras em acervos nesses dois países e na Áustria, Estados Unidos, Inglaterra e Espanha.

Já apresentou suas obras em diversas exposições, entre elas, uma individual em Viena, na Áustria. Está presente em acervos particulares em São Paulo, Campinas, Londres, Los Angeles, Viena, Chaves, Berlim, Bratislava, e espaços públicos como: Museu Banespa/SP Fundação Bollini/Argentina, Pinacoteca de São Bernardo do Campo/SP, Latin American Post/Colômbia, entre outros.

 

 

Serviço:

Exposição “Transparência da Forma” Luiz Martins – 30 peças (desenhos e esculturas);

Curadoria: Jacob Klintowitz

De 07/10 a 02/11 – de terça-feira a domingo, das 10 às 19 horas;

Informações: (11) 2594-2601

Entrada Gratuita

 

O MuBe possui acesso para pessoas com Necessidades Especiais, restaurante e ar-condicionado.

Anúncios

, , ,

Deixe um comentário