Posts Marcados Gratuito

Observação da Lua e do Sol neste final de semana em Sampa

Neste final de semana, São Paulo contará com diversas atividades de observação do céu. O CASP – Cube de Astronomia de São Paulo programou diversas atividades neste final de semana, de observação da lua até mini palestras e observação do Sol.

Veja a programação abaixo:

Na sexta-feira, dia 26, das 19h30 até as 22h30, os telescópio do CASP – Clube de Astronomia de São Paulo estarão na Avenida Paulista, em frente ao Conjunto Nacional para realizar a observação do céu, da lua e das estrelas. Aberto ao público em geral. Atividade gratuita.

Já no sábado, dia 27, é a vez de observar o sol do Parque do Ibirapuera. Haverá também atividades no  Planetário e na Escola de Astrofísica.

  • 14h30 – 15h45 – Observação solar com Sunspotters, telescópios construídos especificamente para observação solar por projeção. Entrada franca e aberto ao público em geral.
  •  16h00 – 16h30 –  Mini palestra  “Astro Notícias”, com Francisco Conte, comentando notícias deste mês na mídia especializada ou não, na EMA – Escola Municipal de Astrofísica – Entrada franca, mas com retirada de senhas até a lotação da escola, aberta ao público em geral (crianças com mais de 10 anos).
  • 16h30 – 17h00 – Mini palestra “O céu de São Paulo no mês de Abril”, com André Izecson, mostrando os principais eventos a serem observados no céu da cidade no próximo mês, seja a olho nu, binóculos ou telescópios – Escola Municipal de Astrofísica.
  • 17h15 – 18h00 – Palestra “Mulheres na astronomia – 4000 anos de história”, com Tasso Napoleão, contando a importância das mulheres na história da astronomia – Escola Municipal de Astrofísica.
  • 19h00 – 20h00 – Sessão do Planetário Municipal com narração ao vivo com o astrônomo Marcos Calil, no planetário- Entrada R$ 5,00 inteira, R$ 2,50 para estudantes, idosos, crianças com menos de 12 anos.
  • 20h00 – 23h00 – Observação noturna com telescópios, entrada franca e aberta ao público em geral.

Sobre o CASP

O CASP, Clube de Astronomia de São Paulo, foi fundado em fevereiro de 2001, com o objetivo de congregar os astrônomos amadores de São Paulo, difundir a Astronomia e realizar pesquisas em nível amador.  O clube foi oficializado e aberto legalmente como uma instituição sem fins lucrativos, registrado em 29 de setembro de 2006. 
Atualmente, o CASP conta com 40 sócios mantenedores, e mais de 700 membros não pagantes. As atividades promovidas pelo CASP são todas públicas e gratuitas.
 

Serviço: Observações Astronômicas – CASP (Clube de Astronomia de São Paulo)
26 de março de 2010 – das 19h30 às 22h30 – Av. Paulista, em frente ao Conj. Nacional – Observação da Lua.
27 de março de 2010 – das 14h30 às 23 horas – Parque do Ibirapuera, Planetário e na Escola de Astrofísica – Diversas atividades – observação do sol, palestras, sessão no planetário e observação noturna.

, , , , ,

Deixe um comentário

MuBE abre gratuitamente suas oficinas de arte na quarta-feira, dia 3

8950357_1No próximo dia 3 de junho, quarta-feira, o Museu Brasileiro da Escultura (MuBE) vai abrir gratuitamente suas Oficinas de Arte. Durante o dia inteiro, os interessados podem participar dos mais variados cursos oferecidos regularmente pela entidade como: pintura, escultura, arte inclusão, cerâmica, entre outros. As oficinas são ministradas por artistas reconhecidos no meio cultural e é uma oportunidade dos interessados conhecerem as diversas linguagens artísticas.

A proposta da aula aberta é divulgar e apresentar cada uma das expressões artísticas, as técnicas e materiais utilizados, além da possibilidade o exercício da criatividade, bem como a prática o talento individual. A participação é gratuita mediante inscrição, que pode ser feita pelo telefone 2594-2601, com Eneida.

Sobre as Oficinas
Os ateliês oficina do MuBE oferecem cursos e workshops nas diversas mídias e linguagens das artes visuais, ministrado por artistas plásticos, críticos e historiadores da arte, profissionais reconhecidos no contexto da produção da arte contemporânea e no meio acadêmico. Mais de 3.500 jovens e adolescentes foram atendidos por seus programas de caráter social voltados à pintura, escultura, desenho, aquarela e história da arte, com 200 bolsas de estudo/ano.

Seu objetivo é o de divulgar a arte contemporânea através de orientações de cursos, projetos, debates de temas voltados às artes plásticas. Alunos de nível básico, e mesmo aqueles com trabalhos avançados, tornam-se orientandos de artistas consagrados, que transmitem um maior contato e análise crítica da compreensão da arte, tornando seu olhar mais apurado para a linguagem conceitual. As oficinas proporcionam orientação dirigida aos interesses individuais de cada aluno, oferecendo suporte, abrindo caminhos para aqueles que querem desenvolver um trabalho mais aprofundado e ter maior contato com a linguagem escolhida seja escultura, pintura, instalação, fotografia, do desenho, design, entre outros.

inclusao_2

Serviço: Aulas Abertas de Arte no MuBE – Pintura, Escultura, Cerâmica, Arte Inclusão entre outros |Dia 3 de junho (quarta-feira), das 9 às 18 horas | Evento gratuito, mediante inscrição antecipada | Inscrições pelo telefone: (11) 2594-2601 | MuBE (Museu Brasileiro da Escultura) | Rua Alemanha, 221, Jardim Europa | Possui: acesso para pessoas com deficiência e restaurante no local

, ,

Deixe um comentário

De tão alvas, quase almas: os desenhos de Bel Barcellos no MuBE

Desenho em grafite traz à tona o universo feminino

Desenho em grafite traz à tona o universo feminino

O MuBE – Museu Brasileiro da Escultura traz, de 10 de fevereiro a 11 de março, a exposição “De tão alvas, quase almas”, em que a artista plástica Bel Barcellos explora o universo feminino com desenhos em grafite, feitos sobre panos, papéis e lençóis de linho. Ela faz uma ampla abordagem da temática da mulher, seus conflitos, desejos e espiritualidade.
 
A obra “Encarnadas”, por exemplo, mostra os sacrifícios e rituais, “Desassossego” traz as sensações de angústia e insônia, e o desenho “Corpo Estranho” remete a transes mediúnicos. Os 42 desenhos sobre papel da mostra passaram por um processo de decalque e foram desbotados em tons de marfim e cinza.             
 
A exposição é composta ainda por nove desenhos e bordados sobre grandes lençóis de linho. São imagens esmaecidas de mulheres, ou suas almas, que ficam penduradas no teto e expostas como uma instalação.
   
Barcellos explica seu trabalho: “Há anos trabalho em torno da figura feminina e o universo que permeia esta condição. Muitas vezes uso fotos antigas como referência para os desenhos em papel”, afirma a artista.
 
Essa é a quarta itinerância de “De tão alvas, quase almas”. A mostra passou, com sucesso de público, pelo Rio de Janeiro (Centro Cultural Correios), por Pernambuco (Museu de Arte Contemporânea de Olinda) e Petrópolis (SESC Petrópolis).
 
A curadora da exposição é Sonia Salcedo del Castillo, que comenta as características da artista: “Com técnicas simples somadas ao traçado, também bordado e naturalmente sensível, Bel Barcellos nos faz transitar entre experimentações perceptivas ora lineares, ora pictóricas. E, num lapso de tempo, apreender como resultado figuras leves, por vezes quase em movimento, fluidas, transparentes, mas sobriamente luminosas ou inquietantemente claras.”
 
Sobre a artistaretrato_lencois_12-copy
Bel Barcellos nasceu em Boston, nos Estados Unidos, em 1966. De família brasileira, ela estudou Desenho nos Estados Unidos, na Inglaterra e realizou cursos de Pintura Livre no Rio de Janeiro. Fez mestrado em Artes Cênicas pela University of Hull, da Inglaterra, e bacharelado no mesmo curso, na Uni-Rio, do Rio de Janeiro.
 
A artista já expôs suas obras no Museu de Belas Artes, no Museu da República, no SESC Petrópolis, no Centro de Estudos Brasileiros (Moçambique), entre outros. Barcellos também atuou com figurinos para teatro e televisão. “Talvez venha daí a minha paixão por tecidos e linhas bordadas, que nesta exposição é o suporte e o meio por qual me expresso”, destaca a artista, que mora no Rio de Janeiro.

Serviço: Exposição “De tão alvas, quase almas” – 51 obras de Bel Barcellos – Local: Museu Brasileiro da Escultura (MuBE) – Rua Alemanha, 221, Jd. Europa – Aberto ao público: de 10 de fevereiro a 11 de março de 2009 – Horário: de terça a domingo, das 10 às 19 horas – Informações: (11) 2594-2601 – Entrada Franca – O MuBe possui acesso para pessoas com deficiência, restaurante e ar-condicionado

, , , , ,

Deixe um comentário